quinta-feira, 16 de fevereiro de 2012

Associação de vereadores debate Hospital regional e pedágio


Na primeira reunião do ano, ocorrida na manhã desta quinta-feira, 16 de fevereiro, em Parobé, a Associação dos Legislativos dos Vales do Sinos e Paranhana (Alsipa) aproveitou para discutir dois temas: a construção do Hospital Regional Federal e os preços de pedágios em estradas da região.

O tesoureiro da Alsipa e representante da Câmara de São Leopoldo, vereador Geraldo Passos (PSB), levou ao encontro a informação de que a Câmara de Palmeiras das Missões aprovou recentemente uma licitação para elaborar um projeto para a construção de um hospital regional no município. Por isso, foi deliberado na reunião que a Alsipa fará contato com a cidade para que os mesmos trâmites possam ser utilizados pelos municípios dos vales do Sinos e Paranhana.

“Temos o conhecimento de que a elaboração de um projeto é o primeiro passo para podermos concretizar este sonho para a região. Por isso esse contato será importante. Já soubemos que existe verba disponível no Ministério da Educação para construção de hospitais/escola. No entanto, é necessário elaborar um estudo técnico e um bom projeto para que ele saia do papel”, diz Passos. Segundo ele, a Alsipa quer levantar as informações necessárias para construir o edital e poder elaborar o projeto o quanto antes.

Além do hospital regional, os vereadores também acordaram em elaborar uma moção de repúdio a qualquer eventual aumento nas tarifas de pedágios de rodovias dos vales do Sinos e Paranhana. “Uma moção será elaborada pela entidade e encaminhada para cada uma das Câmaras que fazem parte da Alsipa para que ela seja votada por todos vereadores. Depois, reuniremos este material e faremos a entrega junto à Secretaria de Infraestrutura e Logística do Estado. Acompanhamos com preocupação alguns debates sobre aumento de tarifas recentemente. Não queremos deixar que essa discussão avance”, afirma Geraldo Passos.

A próxima reunião da Alsipa ocorrerá em Taquara, no dia 7 de março, quando outras novidades sobre a questão do hospital regional deverão ser apresentadas.

quinta-feira, 9 de fevereiro de 2012

Vereador Geraldo Passos começa ano protocolando três projetos


Depois de ver aprovado o importante projeto de sua autoria que instituiu o Ficha Limpa para CC´s na Prefeitura de São Leopoldo no fim de 2011, o vereador e líder da bancada do PSB na Câmara leopoldense, Geraldo Passos, inicia 2012 protocolando três projetos importantes para o município neste ano. O protocolo ocorreu na secretaria da casa com o assessor legislativo Ernesto Dietschi.

O primeiro, e que deverá ser muito bem recebido por toda a comunidade, proíbe a guarda de veículos nas vias públicas de São Leopoldo. Segundo Passos, trata-se de uma adaptação à ótima ideia implementada em Novo Hamburgo recentemente e que está coibindo a ação de flanelinhas na cidade vizinha. “Muitas vezes as pessoas estão sendo coagidas nas ruas. É inaceitável. Temos que reconhecer que Novo Hamburgo aprovou um ótimo projeto e o que é bom deve ser seguido. Vamos terminar com a coação nas vias públicas e as pessoas se sentirão mais seguras e tranqüilas na hora de estacionar”, afirma Geraldo. O projeto prevê que caso alguém tente cobrar qualquer valor por guarda de veículo em via pública, a guarda municipal deve ser acionada para coibir a ação e realizar o encaminhamento necessário para que o fato não volte a ocorrer.

O segundo projeto estabelece a possibilidade do agendamento telefônico de consultas para pacientes idosos e para pessoas com deficiência nas unidades de saúde do município de São Leopoldo. “Este projeto já havíamos concebido em 2011, mas tivemos que ajustar alguns detalhes para que ele não tivesse parecer negativo e pudesse ser encaminhado ao plenário para votação. Agora, estamos confiante na sua aprovação. Tenho certeza que irá melhorar o serviço para a comunidade e também facilitar para os profissionais da saúde pública”, diz Passos.

Já o terceiro protocolo diz respeito a um requerimento para a instalação de um distrito industrial na Zona Leste da cidade, na Feitoria. “Nós sabemos que a prefeitura está empenhada para promover o desenvolvimento econômico e social da cidade. O prefeito Vanazzi tem feito um trabalho brilhante atraindo empresas como a HT Micron e a Hyundai. No entanto, este requerimento visa atender a pequenas e médias empresas, que podem contribuir muito para fomentar o crescimento econômico da Zona Leste e de São Leopoldo como um todo. Esta é uma reivindicação antiga da comunidade da Feitoria e relativamente simples de ser atendida. Tenho certeza que a Prefeitura será sensível ao requerimento”, explica o vereador.

quinta-feira, 22 de dezembro de 2011

Hospital regional tem verba federal para 2012


A construção de um hospital regional foi o assunto abordado, durante a reunião da Associação dos Legislativos do Vale do Sinos e Paranhana (Alsipa), entidade que sou tesoureiro. O encontro contou com o convidado Fernando Martins, engenheiro chefe do Hospital de Clínicas, que destacou a disponibilidade de verba federal em 2012 para a construção do hospital.

Ressaltei que um hospital regional seria importante para facilitar o transporte dos pacientes, que hoje sofrem com o vaivém até a Capital em busca de especialidades que não estão disponíveis na região. Estamos trabalhando um projeto macro, isso demonstra que o trabalho do vereador transcende o bairro, a localidade, vai atender aos interesses de toda sua região, afirmei.

Segundo o engenheiro Fernando Martins, a União dispõe de recursos para a instalação de hospitais pólos, como o reivindicado pela Alsipa, porém faltam bons projetos, que integrem tecnologia e sejam adequados à residência multidisciplinar. “A ideia é fazer com que os profissionais das universidades façam a residência, mesmo que a unidade escolar fique distante ou em outro estado”, revelou. O foco, conforme o engenheiro, é que o espaço ofereça capacitação dos profissionais com qualidade.

Martins informou que o prédio sugerido pela Alsipa, com 400 leitos, deve custar cerca de R$ 180 milhões. “O governo federal tem interesse em investir e terminar com a ambulanciaterapia. Porque hoje temos, no Brasil, mais médicos por paciente do que determina a Organização Mundial da Saúde (OMS), porém eles estão centralizados em capitais ou onde há melhor estrutura para exercer a profissão”, argumentou o engenheiro.

Martins é engenheiro com mestrado e doutorado em Medicina, atua no Clínicas há 11 anos e também é consultor do Ministério da Educação, conselheiro do CREA-RS e integra o programa de recuperação dos hospitais federais universitários.

O encontro ocorreu na sala dos ex-presidentes da Câmara de São Leopoldo na noite desta quinta-feira, 22 de dezembro, reunindo representantes de Sapiranda e os vereadores de São Leopoldo Henrique Prieto (PP), Ary Moura (PDT) e Nestor Schwertner (PT).

terça-feira, 20 de dezembro de 2011

Reunião sobre Novo Hospital

Reunião da Associação dos Legislativos do Vale do Sinos e Paranhana (Alsipa),nesta quinta-feira, 22 de dezembro, às 19 horas, de reunião em São Leopoldo para tratar da construção de um hospital regional. O encontro contará com a presença de Fernando Martins, engenheiro chefe do Hospital de Clínicas e consultor do MEC. Martins fará uma explanação das possibilidades e das condições necessárias para a construção do Hospital Regional, prioridade da Alsipa.

“Estamos aguardando a presença de representantes de todos os Legislativos para que possamos dividir e ampliar as orientações sobre o hospital”. O encontro ocorrerá na Câmara de Vereadores, Rua Independência, 66, Centro de São Leopoldo.

segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

Prefeito sanciona Ficha Limpa


O prefeito Ary Vanazzi (PT) sancionou na tarde desta segunda-feira, em seu gabinete, o projeto que institui ficha limpa para a contratação de cargos em comissão no executivo municipal de São Leopoldo. Vanazzi sancionou a lei ao meu lado. Além disso, estiveram presentes na cerimônia o deputado federal Alexandre Roso (PSB) e representantes das entidades CDL e ACIS do município.

Para Vanazzi, São Leopoldo tem sido pioneira em leis que moralizam a gestão pública. “Está de parabéns o vereador Geraldo Passos, bem como todos os vereadores que votaram a favor desta proposição. É assim que vamos moralizar a política”, afirmou o prefeito Vanazzi.
Aproveitou o momento para agradecer o apoio dos vereadores, que aprovaram o projeto por unanimidade e também as entidades de classe que demonstraram estar a favor da ideia desde o início. “Até chegarmos a aprovação foi preciso um debate grande, de cerca de seis meses. E foi fundamental o apoio do meu partido, do deputado federal Alexandre Roso e também das entidades como Acis, OAB e CDL de São Leopoldo”.

quinta-feira, 15 de dezembro de 2011

Festa de Confraternização de ano para comunidade da Feitoria da Juventude Amigo da Feitoria...


Um dia Especial, dia de confraternização para comemorar a chegada do Papai Noel e o ano Novo que esta por chegar em poucos dias. A Juventude Amigos da Feitoria se reunirá neste domingo para fazer a FESTA com os moradores do bairro Feitoria, onde terá apresentação Artisticas, muitas brincadeiras, entrega de doces com a chegada do papai Noel e seus amigos cavalarianos que vão percorrer por alguns pontos da feitoria distribuindo doce e fazendo a festa!

quinta-feira, 1 de dezembro de 2011

Ficha Limpa é aprovado na Câmara de São Leopoldo

A Câmara de São Leopoldo aprovou na noite desta quinta (1/12) em segunda e última votação o projeto Ficha Limpa. A proposta de minha autoria, foi aprovada por unanimidade pelo Legislativo.
O projeto de lei proíbe a nomeação ou manutenção de Cargos em Comissão (CC) e Função Gratificada (FG) nos poderes Legislativo e Executivo. A medida abrange pessoas condenadas em processos criminais (não inclui processos cíveis). O projeto seguirá ao Executivo para ser sancionado pelo prefeito e São Leopoldo será a primeira cidade na região metropolitana a contar com a medida.

“A sociedade está cobrando maior transparência e essa medida demonstra o amadurecimento dos poderes e o zelo com o poder público".

Segundo o projeto de lei, caso algum dos atuais ocupantes de Cargos em Comissão ou Função Gratificada esteja enquadrado na lei, o Prefeito Municipal e o Presidente da Câmara Municipal terão prazo de 30 dias (após os 90 dias citados acima) para exonerá-lo ou cancelar a Função Gratificada (FG), do mesmo.
A lei não se estende aos atuais profissionais de carreira concursados do município, apenas veda a possibilidade de que um deles enquadrado na lei receba Função Gratificada.
Detalhes
Será vedada a nomeação de pessoas que forem condenados, em decisão transitada em julgado ou proferida por órgão judicial colegiado, desde a condenação até o transcurso do prazo de 8 (oito) anos após o cumprimento da pena, pelos crimes:
a) contra a economia popular, a fé pública, a administração pública e o patrimônio público;
b) contra o patrimônio privado, o sistema financeiro, o mercado de capitais e os previstos na lei que regula a falência;
c) contra o meio ambiente e a saúde pública;
d) eleitorais, para os quais a lei comine pena privativa de liberdade;
e) de abuso de autoridade, nos casos em que houver condenação à perda do cargo ou à inabilitação para o exercício de função pública;
f) de lavagem ou ocultação de bens, direitos e valores;
g) de tráfico de entorpecentes e drogas afins, racismo, tortura, terrorismo e hediondos;
h) de redução à condição análoga à de escravo;
i) contra a vida e a dignidade sexual;
j) praticados por organização criminosa, quadrilha ou bando;
II - os que forem declarados indignos do oficialato, ou com ele incompatíveis, pelo prazo de 8 (oito) anos;
III - os que tiverem suas contas relativas ao exercício de cargos ou funções públicas rejeitadas por irregularidade insanável que configure ato doloso de improbidade administrativa, e por decisão irrecorrível do órgão competente, salvo se esta houver sido suspensa ou anulada pelo Poder Judiciário, desde a decisão até o transcurso do prazo de 8 (oito) anos;
IV - os detentores de cargo na administração pública direta, indireta ou fundacional, que beneficiarem a si ou a terceiros, pelo abuso do poder econômico ou político, que forem condenados em decisão transitada em julgado ou proferida por órgão judicial colegiado, desde a decisão até o transcurso do prazo de 8 (oito) anos;
V - os que, em estabelecimentos de crédito, financiamento ou seguro, que tenham sido ou estejam sendo objeto de processo de liquidação judicial ou extrajudicial, hajam exercido, nos 12 (doze) meses anteriores à respectiva decretação, cargo ou função de direção, administração ou representação, enquanto não forem exonerados de qualquer responsabilidade;
VI - os que forem condenados, em decisão transitada em julgado ou proferida por órgão colegiado da Justiça Eleitoral, por corrupção eleitoral, por captação ilícita de sufrágio, por doação, captação ou gastos ilícitos de recursos de campanha ou por conduta vedada aos agentes públicos em campanhas eleitorais que impliquem cassação do registro ou do diploma, desde a decisão até o transcurso do prazo de 8 (oito) anos;
VII - os que forem condenados à suspensão dos direitos políticos, em decisão transitada em julgado ou proferida por órgão judicial colegiado, por ato doloso de improbidade administrativa que importe lesão ao patrimônio público e enriquecimento ilícito, desde a condenação ou o trânsito em julgado até o transcurso do prazo de 8 (oito) anos após o cumprimento da pena;
VIII - os que forem demitidos do serviço público em decorrência de processo administrativo ou judicial, pelo prazo de 8 (oito) anos, contado da decisão, salvo se o ato houver sido suspenso ou anulado pelo Poder Judiciário;
IX - a pessoa física e os dirigentes de pessoas jurídicas responsáveis por doações eleitorais tidas por ilegais por decisão transitada em julgado ou proferida por órgão colegiado da Justiça Eleitoral, pelo prazo de 8 (oito) anos após a decisão;
X - os que tenham contra sua pessoa representação julgada procedente pela Justiça Eleitoral, em decisão transitada em julgado ou proferida por órgão colegiado, em processo de apuração de abuso do poder econômico ou político, até 8 (oito) anos após o transcurso da decisão.

Ficha Limpa em última votação hoje em São Leopoldo

A Câmara de São Leopoldo fará a segunda e última votação do projeto Ficha Limpa na noite de hoje (quinta-feira). Na semana passada, a proposta de minha autoria, foi aprovada por unanimidade pelo Legislativo.

O projeto de lei que proíbe a nomeação ou manutenção de Cargos em Comissão (CC) e Função Gratificada (FG) nos poderes Legislativo e Executivo. A medida abrange pessoas condenadas em processos criminais (não inclui processos cíveis).

Caso aprovado, o projeto seguirá ao Executivo para ser sancionado pelo prefeito e São Leopoldo será a primeira cidade na região metropolitana a contar com a medida.
“A proposta ajuda a moralizar o poder público. A sociedade merece uma gestão com clareza e transparência”.

sexta-feira, 25 de novembro de 2011

Ficha limpa para CC´s é aprovado por unanimidade em primeira votação

Em primeira votação, na noite desta quinta-feira, 24 de novembro, foi aprovado por unanimidade, pela Câmara de Vereadores de São Leopoldo, o projeto de lei que proíbe a nomeação ou manutenção de Cargos em Comissão (CC) e Função Gratificada (FG), nos poderes legislativo e executivo municipal de São Leopoldo, de pessoas condenadas em processos criminais (não inclui processos cíveis).

Na próxima quinta-feira, dia 1° de dezembro, ocorrerá a votação final. Caso aprovado, o projeto seguirá ao executivo para ser sancionado pelo Prefeito.Projeto de minha autoria, vereador Geraldo Passos (PSB) comemorei muito a primeira aprovação. “Não tinha dúvidas de que esta casa seria a favor do projeto porque ele ajuda a moralizar o poder público. A sociedade merece uma gestão com clareza e transparência, e esse projeto uma demonstração disso. Desde que protocolei a ideia, várias entidades como CDL, Acis e OAB declararam seu apoio a ela”.

sexta-feira, 11 de novembro de 2011

Hospital Regional é prioridade para vereadores do Sinos e Paranhana

Na Festas das Rosas, em Sapiranga, ocorreu a primeira reunião de trabalho da Associação dos Legislativos dos Sinos e Paranhana. A primeira atividade foi pautada pela questão do Hospital Regional para a região, tema considerado prioridade para a diretoria da Associação.

Os vereadores acordaram em levantar diversas informações técnicas sobre a área de saúde de cada um dos 24 municípios participantes da entidade para então serem agendados encontros com a Secretaria Estadual de Saúde e a Bancada Gaúcha da Câmara dos Deputados.

Vamos contatar as secretarias municipais de saúde para saber quantas pessoas são encaminhadas por mês para Porto Alegre, entender quais as maiores demandas e filas de espera, quais são os gargalos que prejudicam a população e, em cima disso, vamos poder construir um projeto de acordo com as necessidades dos moradores da nossa região.

quarta-feira, 12 de outubro de 2011

Dias das Crianças 2011

Neste dia tão especial, foi realizada uma festinha nos Blocos da Cohab Feitoria em Comemoração o Dia das Crianças. Com o apoio de moradores do local foi distribuido refrigerantes, cachorro quente, doces e muitas brincadeiras para criançada.


Equipe que colocou a mão na massa, meus parabéns!


Distribuição de lanche.


Apresentação Artistica do CTG Sinuelo da Feitoria.

As crianças fazendo a FESTA


Grupo Amigo dos Amigos!

sexta-feira, 16 de setembro de 2011


Vereador Geraldo Passos líder da bancada do PSB, como presidente da comissão de Saúde e Meio ambiente, protocolou na secretaria da Câmara de Vereadores EMENDA do projeto de Lei nº 813 que será votado nos próximos dias. No dia 01 de Setembro realizou audiência publica que teve a presença do Secretário do Meio Ambiente Darci Zanini e sua diretoria esclarecendo para as entidades e comunidade presente os projetos de lei 812 e 813.

Tradicionalista de berço


Vereador Geraldo Passos líder da bancada do PSB, tradicionalista de berço, durante está semana está realizando suas atividades pilchado.

quinta-feira, 15 de setembro de 2011

Semana Farroupilha 2011 – Acampamento Feitoria


Vereador Geraldo Passos, Maria Vargas (patroa do CTG Sinuelo da Feitoria), recepcionam a escola de educação infantil da Feitoria, divertido e passando algumas atividades da cultura gaúcha.

quarta-feira, 14 de setembro de 2011

Sessão Solene em Homenagem a Semana Farroupilha 2011, no acampamento do Parque do Trabalhador



Vereador Geraldo Passos líder da bancada do PSB, realizou nesta quarta-feira sessão solene em homenagem a Semana Farroupilha 2011, homenageando os tradicionalistas Vanderlei Rosa, Estanislau Dalberto, Jones Fernandes e Pedro Carneiro. Foi entregue placas a cada um simbolizando a dedicação prestada à tradição Gaúcha.

Vereador Geraldo Passos garante vaga à Câmara leopoldense na Associação dos Legislativos da região


O vereador Geraldo Passos (PSB) garantiu à Câmara de Vereadores de São Leopoldo o direito a participar da diretoria da Associação dos Legislativos dos Sinos e Paranhana. Em reunião na Câmara de Sapiranga, na manhã desta quarta-feira, a entidade teve seu estatuto votado pelos representantes da região e foi composta a diretoria, bem como o conselho fiscal, que terá mandato de um ano e três meses, até o fim de 2012. O presidente escolhido foi Valdir da Luz (PDT), presidente da Câmara de Sapiranga.

Representando na reunião o presidente do legislativo leopoldense, Ary Moura, o vereador Geraldo Passos solicitou à entidade que São Leopoldo pudesse indicar um representante para integrar a diretoria da Associação e foi contemplado com o espaço de 1° Tesoureiro (cargo sem remuneração). “Agora, a Câmara leopoldense precisa votar em plenário a inclusão do nosso legislativo na Associação e os vereadores deverão indicar o nome do vereador que ocupará este cargo na diretoria”, explica Geraldo Passos.

Os objetivos da associação, conforme o estatuto aprovado, são: apoiar as reivindicações regionais nos setores econômicos e sociais dos municípios por ela compostos; Intercâmbio de ideias e experiências em projetos dos vereadores de suas filiadas; Encaminhamento de sugestões regionais às autoridades competentes; Incentivar e promover a realização de eventos, como cursos, treinamentos, congressos, simpósios, entre outras ações e atividades.

segunda-feira, 12 de setembro de 2011